Inovações no Jornalismo para além das Tecnologias Digitais

Elizabeth Saad Correa, Fernanda Giacomassi

Resumo


Inovações no jornalismo constituem-se como um processo impermanente e, ao mesmo tempo necessário. Propomos uma revisão conceitual do processo e sua correlação com práticas jornalísticas recentes que podem caracterizar-se como inovadoras para além do uso de tecnologias digitais de informação e comunicação. Partimos do pressuposto de que no atual cenário tais inovações ocorrem mais frequentemente em iniciativas independentes full digital. Objetivamos, a partir das proposições iniciais, revisitar os conceitos recentes sobre inovação e sua especificidade para o campo jornalístico, descrever praticas inovadoras recentes e indicar o potencial transformador, ou seja, de inovação de tais praticas no campo dos negócios informativos. Uma abordagem multi-metodologica – revisão bibliográfica e observação não-participante nortearam nossas propostas. A amostra piloto indicou que formatos e narrativas não clássicos do negocio jornalístico possuem potencial para inovação.          


Palavras-chave


inovações no jornalismo; jornalismo digital; produtos e processos

Texto completo:

PDF

Referências


ANDERSON C. W., BELL, E., & SHIRKY, C. (2012). Post-industrial journalism: Adapting to present. Columbia: The Tow Center for Digital Journalism.

BAUMANN, Zygmunt. Tempos Líquidos. Rio de Janeiro: Jorge Zahar. 2007.

DEUZE, Mark. O Jornalismo, A Vida Na Mídia E A Sociedade Empreendedora. Revista Parágrafo. São Paulo, v. 4, n.2, p. 4-22, jul/dez 2016.

DOUGHERTY, Deborah. Taking advantage of emergence for complex innovation eco-systems. Journal of Open Innovation: Technology, Market, and ComplexityTechnology, Market, and Complexity20173:14.

GIACOMINI FILHO, G.; SANTOS, R. E. Convergências conceituais e teóricas entre comunicação e inovação. In: CAPRINO, M. Comunicação e Inovação. São Paulo: Paulus, 2008.

GROSSBERG, Lawrence. Lutando com os anjos: os Estudos Culturais em tempos sombrios. Matrizes, V.9 - Nº 2 jul./dez. 2015 São Paulo - Brasil p. 13-46.

HARLOW, Summer & SALAVERRÍA, Ramón. (2016): Regenerating Journalism, Digital Journalism, DOI: 10.1080/21670811.2015.1135752. Disponivel em http://dx.doi.org/10.1080/21670811.2015.1135752

HILDEBRAND, Hermes R. & GIL, Adeline G. S. O Sistema Como Obra de Arte: Complexidade e Ecossistemas. 12º Encontro Nacional da ANPAP. Belém, 2013, disponivel em http://www.anpap.org.br/anais/2013/ANAIS/simposios/02/Hermes%20Renato%20Hildebrand.pdf

https://www.doi.org/10.14198/MEDCOM2017.8.1.2

LEWIS, Seth C. & WESTLUND, Oscar. Big Data and Journalism, Digital Journalism, 3:3, 447-466, DOI: 10.1080/21670811.2014.976418., 2015. Disponível em http://dx.doi.org/10.1080/21670811.2014.976418

LEWIS, SETH C. Journalism In An Era Of Big Data, Digital Journalism, 3:3 321-330, DOI: 10.1080/21670811.2014.976399., 2015. DISPONÍVEL EM http://dx.doi.org/10.1080/21670811.2014.976399

MACHADO, C. J. S. As relações entre tecnologia, inovação e sociedade. DataGramaZero: Revista de Ciência da Informação, João Pessoa, v. 7, n. 1, fev. 2006

MORIN, Edgar. Introdução ao pensamento complexo. Porto Alegre: Sulina, 2015.

NEWMAN, Nic et allii. Reuters Institute Digital News Report 2017. Disponivel em http://www.digitalnewsreport.org

SAAD CORRÊA, Elizabeth. Centralidade, transversalidade e resiliência: reflexões sobre as três condições da contemporaneidade digital e a epistemologia da Comunicação. Trabalho apresentado na Divisão Temática Ibercom Epistemologia, Teoria e Metodologia da Comunicação no XIV Congresso Internacional IBERCOM, na Universidade de São Paulo, de 29 de março a 02 de abril de 2015.

SAAD, Beth. Innovations on Online Journalism: Discussing Social Business Design Models. Journalism and Mass Communication, Vol. 4, No. 9, september 2014.

SAAD, Beth. Inovação e empresas informativas: aliados, inimigos ou em permanente estado de “discussão da relação”? Revista Parágrafo, São Paulo, v. 4, n. 2, p. 72-87, jul./dez. 2016.

SALAVERRIA, R. (2017). Typology of Digital News Media: Theoretical Bases for their Classification. Revista Mediterránea de Comunicación/Mediterranean Journal of Communication, 8(1), 19-32.

SODRÉ, Muniz. Comunicação: um campo em apuros teóricos. Matrizes Ano 5 – nº 2 jan./jun. 2012 - São Paulo – Brasil, p. 11-27

Tow Center for Digital Journalism. The platform press: how Sillicon Valley reengineered journalism. 2017 Disponivel em (http://towcenter.org/wp-content/uploads/2017/03/The_Platform_Press_Tow_Report_2017.pdf)

USHER, Nikki. Moving the newsrooms: post-industrial places and spaces. Relatorio. Tow Center for Digital Journalism, sem data.

Vrije Universiteit. Hybridity and the News Hybrid Forms of Journalism in the 21st Century. Brussels, 2014.

WESTLUND, Oscar & KRUMSVICK, Arne. Perceptios of intra-organizational collaboration and media workers’s interests on media innovations. The Journal of Media Innovations 1.2 (2014): 52-75. Disponivel em http://www.journals.uio.no/index.php/TJMI


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Os artigos publicados nesta revista estão licenciados com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.