A Deliberação Democrática e a Perspectiva Construtivista: o consenso como discurso do autoentendimento

Patrícia Rakel de Castro Sena, Heitor Costa Lima da Rocha, Ana Paula Costa de Lucena

Resumo


Este artigo aborda as implicações comunicativas envolvidas na discussão sobre os três modelos normativos de democracia (liberal, republicano e deliberativo), considerando o terceiro modelo concebido por Habermas no âmbito da teoria do discurso como direcionado ao auto-entendimento, a partir da perspectiva do paradigma construtivista. Neste contexto, o aprofundamento do consenso é almejado para fundamentar e viabilizar a realização pragmática da deliberação democrática através da legitimação das relações sociais através da superação gradativa dos problemas e conflitos tematizados e dramatizados nas interações simbólicas.

Palavras-chave


Política deliberativa, Consenso, Construtivismo.

Texto completo:

PDF

Referências


BERGER, Peter; LUCKMANN, Thomas. A construção social da realidade: tratado de sociologia do conhecimento. Petrópolis: Vozes,

CORCUFF, PHILIPPE. As novas sociologias: construções da realidade social. Rio de Mouro: SINTRA, 2001.

HABERMAS, Jürgen. Direito e Democracia: entre facticidade e validade. Rio de Janeiro: Tempo Brasileiro, Volume II, 1997.

______. A inclusão do outro: estudos de teoria política. São Paulo: Edições Loyola, 2002.

______. Teoria do agir comunicativo: sobre a crítica da razão funcionalista. São Paulo: Martins Fontes, v. 2, 2012.

MARCONDES, Danilo. Desfazendo mitos sobre a pragmática. In: ALCEU. v.1, n.1, p. 38 a 46, jul/dez, 2000. Disponível em:

www.ifcs.ufrj.br/~cehc/Artigos/danilo%20marcondes/pragmatica.pdf >. Acesso em: 28 jan 2014.

MARX, Karl. O 18 Brumário e cartas a Kugelmann. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1997.

SCHÜTZ, Alfred. El Problema da realidad social. Buenos Aires: Amorrortu, 2003.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Os artigos publicados nesta revista estão licenciados com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.